Posto Policial é queimado no Setor Residencial Privê em Ceilândia Norte

Desde sua implementação em 2008 já foram incendiados 30 PCS. Segurança Pública no governo Rollemberg está abandonada.

Por volta, das 23h00 da noite de terça-feira (18), o posto policial do Setor Residencial Privê, localizado as margens da BR 070 foi incendiado.

Os primeiros a chegarem foram os bombeiros que de imediato controlaram o incêndio.

No ano de 2007 dava-se início, no governo Arruda, o projeto de Postos Comunitários de Segurança Pública (PCS). A ideia era construir 300 PCS´s e espalhá-los pelo DF. Desde 2008, 131 postos foram criados sendo que 30 foram incendiados.

Joselino Soares, vereador comunitário relata que havia projeto para o posto policial. “Nós da Prefeitura Comunitária estávamos articulando junto a SEMOB e a COOTARDE, que o posto fosse utilizado como terminal rodoviário para os micro-ônibus que circulam pelo setor”.

Para o prefeito comunitário Élvio Meireles, “É repugnante pensar que alguém possa cometer tal insanidade ao destruir o bem público, mas o maior culpado é o Governo de Brasília que abandonou a política de policiamento comunitário. ”

  A 24ª Delegacia de Polícia está investigando o caso.

 Motivação Política

Moradores relataram ao blog, que suspeitam que o incêndio foi ocasionado por motivação política de grupo contra o atual governo.

Fonte: Rodrigo Mercúccio

Leave a comment

Your email address will not be published.

*